quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Canavieiras: Prefeito, Secretário E Vereadores Se Posicionam Sobre A Polêmica Doação Do Carro Para A CDL

Após o esclarecimento postado pelo prefeito Doutor Almeida em sua página pessoal do Facebook a respeito do projeto que previa a doação de R$ 35 mil para a Câmara Dos Dirigentes Lojistas de Canavieiras - CDL, adquirir um carro zero km que seria sorteado entre os consumidores, alguns vereadores, o secretário de cultura e alguns populares se posicionaram nas redes sociais. O embate tem sido duro. 

Em uma nova mensagem, o prefeito Doutor Almeida, disse que o comércio local emprega cerca de 2000 pessoas, que gera mais emprego que a própria prefeitura e paga um salário médio em carteira assinada de R$ 1300,00, na nota, afirma que deixar de apoiar a CDL que representa o comércio, é ser contra a economia do município e da renda das famílias.

Alguns populares e vereadores, entretanto, lembraram que nem 30% dos comerciantes locais são associados à CDL e, que a promoção só beneficiaria alguns poucos e abastados comerciantes.

Seguindo a linha do prefeito, o secretário de cultura José Amorim, também expôs sua "visão cômica sobre o assunto", segundo ele, através de um pequeno banner (meme) onde se lia a seguinte frase: "Alô é do hospício? Tem uma lista enorme de doidos no grupo cá entre nós." Quando questionado por uma leitora, o secretário disse que "estava falando dos 06 vereadores e não da eleitora..." 

Outros políticos que resolveram se manifestar sobre o assunto foram os vereadores Tiago Medrado, Cacá Guimarães, Cleonildo e Vitor Fábio. 

Em nota, o vereador Cleonildo disse: Que na sessão plenária de ontem (17), a Câmara reprovou o projeto de lei 035/2017. Que refere-se a doação de 35.000,00 reais para a CDL. A qual não representa os comerciantes menores, sendo assim, os credenciados da CDL não atinge um percentual de 30% dos tais. que não aprovou o referido projeto com o sentimento de que existem muitas outras necessidades urgentes no momento, exemplificou com a necessidade da aquisição de um carro para o conselho tutelar. Disse ter certeza que fez a coisa certa e está com o coração e a mente tranquilos. 

Segundo pequena nota do vereador Vitor Fábio, em sua página na internet, que citou os demais vereadores que votaram a favor do projeto, esclareceu o seguinte: Os vereadores Vitor Fábio, Ricardo Dantas, Jorge Garcia e Paulo Carvalho votaram a favor de R$ 35.000,00 de premiações para todos que realizassem algum tipo de pagamento na Prefeitura Municipal, além daqueles que comprassem no comércio local, que tal medida visava aumentar a arrecadação municipal, além de aquecer o comércio com contratação de pessoas e serviços.

O vereador Cacá justificou seu voto contrário dizendo que votou contra por entender que existem outras prioridades em nosso município, continuou exemplificando a necessidade de um veículo em melhores condições para a Guarda Municipal dar maior segurança aos nossos munícipes, que o Conselho tutelar também não tem nenhum tipo de veículo para fazer um trabalho adequado, que na zona rural do município a população também não tem. Ressaltou que a população está dependendo muito, como em nossa cidade não tem SAMU faz tempo que requisetou um transporte para atender acidentes de rua, mulheres em trabalho de parto e outras necessidades que ocorrem fora de hora, e em momento nenhum o gestor se preocupou em atender , sem falar em outras prioridades, como raio x, aparelho de ultrassonografia. Na sua nota, Cacá, foi até irônico quando disse que se fosse falar das necessidades dos munícipes, iria cansá-los de tanto ler. Concluiu dizendo que se eu votasse a favor do projeto estaria tirando do pequeno e dando para os grandes e que não era justo e que, no seu entendimento o gestor já vem fazendo muito pelo comércio quando proporciona grandes eventos aonde gera renda e empregos, está com sua consciência tranquila e dever cumprido. Já o vereador Tiago Medrado esclareceu que em virtude de ter sido citado pelo Prefeito em postagem no Facebook , esclareceu que sobre o o Projeto de Lei que doaria R$ 35.000,00 para a CDL, cumpre esclarecer aos canavieirenses que o projeto original, enviado por Dr. Almeida não previa nenhum tipo de contrapartida da CDL, de maneira a inexistir o afirmado de que seria adquirido um veiculo e sorteado entre os munícipes. Disse, também, que município tem outras prioridades e que deveria, o senhor Prefeito, ao invés de doar o dinheiro público, aplicá-lo na saúde com uma máquina de raio-x e, assim como o vereador Cacá defendeu a aquisição de um veículo decente para os guardas municipais para que tenham melhores condições de trabalho ou ajudar os jovens universitários, ratificando que esse item foi prometido em campanha. O vereador Tiago acrescentou que votou contra, em virtude de a CDL não possuir a maioria dos comerciantes canavieirenses, sobretudo os donos de pequeno comércio de bairro, que não possuem condições de comprar e concorrer a algo que fora disponibilizado através do dinheiro público, fechando a nota dizendo que não representa o Gestor e sim a população.

O vereadores Alex CN Bike, Cosme Anão, Caboclo do Esporte, Jorge Garcia, Paulo Carvalho e Ricardo Dantas ainda não se pronunciaram sobre o assunto.

Placar final dessa partida: Prefeitura/CDL 04 x 06 Pressão Popular.
Que a população tire suas próprias conclusões sobre o assunto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui manifestados são de única e exclusiva responsabilidade de quem os escreveu, Vedado o anonimato e NÃO representam a opinião do blog do sargento. A liberdade de expressão é um direito garantido na Constituição Federal, exerça-o com prudência e respeito.